quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Site Inquirer publica sobre a volta do Paramore à Manila

O site de notícias filipino Inquirer, fez um artigo sobre a volta do Paramore à Manila. Confira a matéria traduzida abaixo:
Paramore: Vindo para Manila de novo! – Por Joseph R. Atilano
Uma banda que anteriormente foi  erroneamente rotulada como apenas mais uma banda de “pop chiclete” para jovens adolescentes. Mas desde que eles ficaram famosos em 2005, Paramore atravessou uma ponte etária, e de pré-adolescentes, passou a agradar jovens adultos. Com a vocalista Hayley Williams cantando sobre coisas que são identificáveis para pessoas de sua idade, ela foi a voz para eles.
Eu me lembro de ter sido apresentado à música deles quando um de meus amigos que gostava de Paramore – eu gostava de bandas mais pesadas – estava ouvindo a música “Emergency”. Seria alguns anos depois apenas, quando eu comprasse meu primeiro álbum da banda. Daquele chamado: “Brand New Eyes”, duas músicas “Ignorance” e “Decode” seriam minhas preferidas. A música deles levou tempo para crescer em mim, como alguns tipos de músicas fazem para vários ouvintes. O som do Paramore não pode ser julgado como puro pop, mesmo eles sendo uma banda popular.
Uma das coisas que eu associo com essa banda foi aquela fase “emo” – lembra disso? – pela qual um monte de adolescentes passou, ou foi  influenciado, durante os anos 2000. Essa palavra é o que o Paramore era considerado ser naquela época, junto a outras bandas como Dashboard Confessional, Thursday, Funeral For a Friend etc. Enquanto alguns de nós estávamos rindo daquelas crianças por causa de seus cabelos, como eles se vestiam , e como eles sempre pareciam obscuros, para ser justo com os dois lados, esses adolescentes estavam, na verdade, ouvindo música pop-rock muito boa. E eles estavam naquela fase estranha de tentar achar o tipo de música que eles realmente gostavam. E qual adolescente não queria se encontrar?
Mas logo que essa fase acabou, Paramore foi uma daquelas bandas que conseguiu se “libertar” daquele rótulo “emo”. Porque de todas aquelas bandas que eu mencionei antes como exemplo, foi o Paramore que sobreviveu o movimento. O fato de que eles ainda estão fazendo turnês pelo mundo e lançando álbuns que realmente vendem e que eles não voltaram para a cena indie, ou a produzir álbuns independentemente, prova que eles são comercialmente bem-sucedidos e ainda muito amados por seus fãs.
É seguro dizer que o Paramore evoluiu e superou expectativas tanto de fãs como de outras pessoas. Para mim, eu estou em algum lugar entre esses dois lados. Lembra alguns anos atrás quando os irmãos Josh Farro e Zac Farro saíram do Paramore? Alguns se perguntaram como a banda conseguiria continuar sem dois de seus membros. Fácil! Faça por seus fãs e você sempre poderá chamar outros músicos para preencher os lugares tanto para turnês nacionais como para internacionais. Ou apenas pegue dois novos membros permanentes. É Hayley Williams quem é realmente a “face” e membro mais identificável do Paramore. Em minha opinião, contanto que ela esteja na banda, Paramore sempre será comercial para sua gravadora.  Agora, para os fãs do Paramore nas Filipinas, aqui está sua chance de vê-los de novo, ao vivo.

Fonte: Paramore Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário